A comissão provisória do PT de Assú definiu a participação na campanha de arrecadação de alimentos para doação as pessoas em situação de vulnerabilidade.
A ideia é arrecadar alimentos e materiais de higiene e limpeza e entregar a entidades, que ficarão responsáveis pela distribuição às famílias necessitadas.

(mais…)

Foto: Vaticano News

Durante a missa do “Domingo da Misericórdia” hoje (11), o papa Francisco pediu para os fiéis não viverem “uma meia-crença” e ajudarem o próximo, porque a partilha dos bens “não é comunismo, é cristianismo na sua forma mais pura”.

O Pontífice alertou que em uma fé “estéril” não existe compartilhamento nem atenção ao sofrimento dos outros.

“Se o amor acaba em nós mesmos, a fé evapora-se num intimismo estéril. Sem os outros, torna-se desencarnada. Sem as obras de misericórdia, morre”, declarou, na homilia da celebração na igreja do Espírito Santo, em Sassia, junto à Praça São Pedro.

(mais…)

Emporio

Foto: João Maria Alves

No Rio Grande do Norte, mais de 1 milhão de pessoas, o equivalente a 28,8% da população potiguar, vive em situação de extrema pobreza. Os dados foram extraídos do Cadastro Único (CadÚnico), do Governo Federal pela Secretaria de Estado do Trabalho, da Habitação e da Assistência Social (Sethas).

De acordo com os números, 1.018.671 potiguares inscritos no CadÚnico sobrevivem com até R$ 89 por mês. O Estado tem 3.535.165 habitantes, de acordo com estimativas do Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE).

O recorte inclui pessoas de todas as idades e ainda, aquelas em situação de rua. Os efeitos deste cenário são acentuados com o recrudescimento de outro problema grave: a fome. Um estudo inédito realizado pela Rede Brasileira de Pesquisa em Soberania e Segurança Alimentar e Nutricional (Rede Penssan), aponta que nos últimos meses de 2020, 19 milhões de brasileiros passaram fome e mais da metade dos domicílios no país enfrentou algum grau de insegurança alimentar.

No Nordeste, a fome atingiu 13,8% dos domicílios, segundo o documento da Rede Penssan, intitulado “Inquérito Nacional sobre Insegurança Alimentar no Contexto da Pandemia da Covid-19”. O estudo não apresenta números agregados por estado, por se tratar de uma pesquisa amostral.

A secretária do Trabalho, da Habitação e da Assistência Social do Rio Grande do Norte, Íris Oliveira, esclarece que a pasta não dispõe de números sobre a fome e insegurança alimentar no território potiguar, mas destaca que o alto número de pessoas vivendo em situação de pobreza e extrema pobreza dá uma ideia da dimensão do problema. Ainda segundo os dados do CadÚnico, 149.446 potiguares vivem em situação de pobreza, com renda mensal que varia entre R$ 89,01 e R$ 178. Veja a reportagem completa na Tribuna do Norte.


Foto: Foto Arena/Estadão Conteúdo

O advogado do vereador Dr. Jairinho e de sua mulher, Monique Medeiros, afirma que acredita nas palavras dos investigados quando dizem que são inocentes na morte do menino Henry, de 4 anos. “Essa é uma premissa do meu trabalho com qualquer cliente. Na medida em que entro numa defesa, o pressuposto é que estou transmitindo a verdade para as autoridades”, afirma André França Barreto ao Estadão, dando a entender que deixaria o caso se visse mentira nos argumentos do casal.

Barreto também argumenta que as prisões seriam ilegais por falta de provas objetivas. “A juíza determinou a prisão sem apontar efetivamente quais seriam os embaraços às investigações. Tem que ter testemunha dizendo que foi efetivamente ameaçada, que houve algo concreto”, alega.

Apesar de nenhuma testemunha ter afirmado que foi ameaçada, a polícia cruzou informações – como conversas via mensagem – com os depoimentos do casal para mostrar que Henry, filho de Monique e enteado de Jairinho, vinha sendo agredido em casa pelo vereador.

Questionado sobre a troca de mensagens entre Monique e a babá de Henry, Thayná Ferreira, o defensor diz que desconhece a autenticidade delas. “Só tenho notícia dessa troca de mensagens pela mídia”, afirma.

Ao Tribunal de Justiça do Rio, Barreto disse que o “sensacionalismo midiático” influenciou a decisão da juíza de Elizabeth Louro, da 4a vara criminal, de determinar a prisão temporária do casal. Os advogados falam ainda em “comoção social”, diante da morte do menino Henry Borel, de 4 anos, no habeas corpus apresentado na última sexta-feira, 9, em que pede a liberação de ambos.

Henry morreu no Hospital Barra D’Or, na zona oeste do Rio, no dia 8 de março, após ser levado pela mãe e pelo padrasto. À polícia, eles afirmaram ter encontrado a criança desmaiada no quarto, o que poderia ter sido provocado por uma queda da cama. A perícia do Instituto Médico Legal (IML) constatou, no entanto, múltiplos sinais de trauma no corpo do menino. A polícia suspeita que Henry tenha sido submetido a sessões de tortura por Jairinho.

Na última quinta-feira, 8, o vereador Jairinho foi levado ao Complexo Penitenciário de Gericinó, em Bangu, na zona norte do Rio, e a mãe de Henry, para o Instituto Penal Ismael Sirieiro, em Niterói, na região metropolitana do Estado. A decisão de prendê-los foi tomada frente à possibilidade de estarem intimidando testemunhas e combinando versões.

Estadão Conteúdo

O Ministério da Educação (MEC) anunciou neste domingo que a nota de corte dos cursos ofertados no Sistema de Seleção Unificada (Sisu) voltará a ser gerada e apresentada no mesmo formato adotado antes das edições de 2020. A medida valerá a partir das 0h de terça-feira. As inscrições no Sisu estão abertas até as 23h59 de quarta-feira.

“Diante de apelos contrários à forma de divulgação da nota de corte, adotada a partir de 2020, a atual gestão do MEC determinou que a nota de corte volte a ser divulgada como era antes daquela alteração no seu formato”, afirmou o MEC por meio de nota.

No ano passado, uma mudança adotada pelo Ministério da Educação ficou conhecida como #erronosisu. Ao considerar, para a nota de corte, a segunda opção dos candidatos que já estavam sendo selecionados na primeira opção de curso, as notas de corte ficavam artificialmente mais altas, o que, na prática, inutilizava o recurso que baliza a escolha dos candidatos.

Com a mudança anunciada neste domingo, “a nota do candidato parcialmente classificado no curso de sua primeira opção de inscrição não será mais computada para efeito do cálculo da nota de corte do curso de sua segunda opção”, informou o MEC.

A nota de corte é a menor nota para o candidato ficar entre os potencialmente selecionados para cada curso, com base no número de vagas disponíveis e no total dos candidatos inscritos naquele curso, de acordo com o desempenho obtido no Enem.

O Ministério também decidiu prorrogar o fechamento das inscrições no Sisu até as 23h59 da próxima quarta-feira. Anteriormente, o Sisu se encerraria na sexta passada, às 23h59. Os resultados só serão conhecidos na próxima sexta-feira.

O MEC não informou o motivo da prorrogação. A Defensoria Pública da União (DPU) havia entrado, na tarde de sexta-feira, com um pedido na Justiça Federal para a prorrogação do prazo das inscrições. O objetivo do defensor João Paulo Dorini, autor da ação, era obrigar o Ministério a mudar o sistema de exibição da nota de corte.

O total de vagas ofertadas nesta edição, segundo o MEC, chega a 206.609 mil para 5.571 cursos de graduação, distribuídos em todos os estados do Brasil e no Distrito Federal.

Extra

O Instituto Butantan emitiu uma nota oficial neste domingo (11) para esclarecer sobre a quantidade de doses da vacina contra a Covid-19 contidas em cada frasco após municípios do Paraná terem afirmado que identificaram frascos de Coronavac com quantidade menor de doses.

“É falso informar que houve envase inferior a 10 doses na quantidade de cada frasco da vacina do Butantan contra a Covid-19. Aliás, os frascos reúnem 5,7 ml, que podem render até 11 doses (cada dose contém 0,5ml), autorizadas pela Anvisa”, explica o Instituto.

O Butantan afirma ainda que faz a análise constante dos processos de produção e liberação dos lotes da vacina e reafirma seu compromisso com a qualidade, e com a quantidade, da vacina que mais tem salvado vidas no Brasil.

Foto: Lucas Figueiredo/CBF

O Flamengo venceu o Palmeiras nos pênaltis e ficou com o título da Supercopa do Brasil 2021. No estádio Mané Garrincha, neste domingo (11), as equipes empataram em 2 a 2 na etapa regulamentar. Da marca da cal, o Fla bateu o Verdão por 6 a 5 e garantiu o bicampeonato da competição.

Raphael Veiga abriu o placar aos 17 minutos do 1º tempo com um belo gol. O empate do Flamengo aconteceu aos 22, com Gabigol. Aos 48, Arrascaeta encarou a marcação e bateu da entrada da área sem chance para o goleiro palmeirense, virando o jogo para o Rubro-Negro. Aos 28 da segunda etapa, o Alviverde deixou tudo igual no placar. Raphael Veiga cobrou pênalti no canto esquerdo e marcou.

Na decisão por pênaltis, o destaque foi o goleiro Diego Alves, que defendeu quatro cobranças e garantiu o bicampeonato da Supercopa para o Rubro-Negro.

O jovem assuense Djalma, 19 anos, saiu de Assú para a cidade de Diogo Lopes na última quinta-feira e de lá pra cá não deu mais notícias. A família tentou entrar em contato com o jovem, mas o celular sempre dá desligado, o que aumentou a aflição da família, que pede a quem, porventura, viu o jovem nesses últimos dias, favor entrar em contato pelo telefone 999701863.

Emporio

O Rio Grande do Norte registrou na tarde deste domingo (11) 74 pacientes com Covid-19 à espera de um leito de UTI, de acordo com o portal Regula RN, que monitora em tempo real a ocupação de leitos públicos no estado.

Às 13h30, o estado tinha 11 leitos de UTI disponíveis aguardando regulação de pacientes. A maior parte dos pacientes (52) é da região metropolitana de Natal.

A taxa de ocupação de leitos críticos das unidades públicas de saúde no RN é de 97,1%, registrada por volta das 13h30 deste domingo (11). Pacientes internados em leitos clínicos e críticos somam 699.

Até o momento desta publicação são 11 leitos críticos (UTI) disponíveis e 364 ocupados, enquanto em relação aos leitos clínicos (enfermaria), são 79 disponíveis e 335 ocupados.

Segundo a Sesap, a Região metropolitana apresenta 95,6% dos leitos críticos ocupados, a região Oeste tem 100% e a Região Seridó tem 97,5%.

Emporio

 

A Secretaria Estadual de Saúde Pública (Sesap) atualizou os números do coronavírus neste domingo (11). Foram mais 1.097 casos confirmados, totalizando 207.457. Até sábado (10) eram 206.360 infectados.

 

Com relação aos óbitos no Rio Grande do Norte, são 4.884 no total, sendo 12 mortes registradas nas últimas 24h: Natal (01), Parelhas (01), Tenente Laurentino Cruz (01), Goianinha (01), Santa Maria (01), Parnamirim (03), Areia Branca (01), Guamare (01), Assu (01) e Jundiá (01).

 

A Sesap ainda registrou outros 4 óbitos ocorridos após a confirmação de exames laboratoriais de dias ou semanas anteriores. Óbitos em investigação são 967. No sábado (10) o número total de mortes era 4.868 mortes.

 

Casos suspeitos somam 53.212 e descartados 427.511. Recuperados são 142.776.


O Campus de Assú e a subseção da ADUERN/Assú, enlutada pelo falecimento prematuro do ex aluno Antônio Ubirajara Barbosa (Bira), professor da Educação Básica e responsável pelo site Tok de Classe, externa o sentimento de pesar por mais uma vítima da COVID-19, ao mesmo tempo em que se solidariza aos parentes e amigos por tão dolorosa perda.
Professora Marlucia Barros Lopes Cabral, diretora do Campus de Assu e Maria Luzinete Cabral, Representante da ADUERN/Assu.

Foto: Pixabay

Com o agravamento da pandemia do novo coronavírus e a necessidade de endurecer medidas de restrição social, ao menos 19 governadores estenderam ou retomaram o pagamento de auxílios emergenciais para determinados grupos da população. Os valores variam entre R$100 e R$1.500 e são pagos a setores específicos do comércio, como bares e restaurantes, classe artística e a pessoas em situação de extrema pobreza.

Os governadores tiveram de determinar o fechamento do comércio, estipular toques de recolher e até restringir a circulação da população em vias públicas após o aumento expressivo no número de mortos e contaminados pela Covid-19. Para mitigar os efeitos da pandemia, os deputados estaduais, em todos os estados com propostas de transferência de renda, aprovaram os benefícios.

Levantamento feito pelo O Globo mostra que Rio de Janeiro, São Paulo, Espírito Santo, Rio Grande do Sul, Pará, Paraná, Maranhão, Piauí, Acre, Ceará, Amapá, Amazonas, Bahia, Distrito Federal, Mato Grosso, Mato Grosso do Sul, Pernambuco, Rondônia e Sergipe anunciaram ou retomaram auxílios.

A maioria dos auxílios locais vem na esteira da volta do auxílio emergencial do governo federal. Em março, governadores de 16 estados chegaram a pedir aos presidentes da Câmara e do Senado para que o Congresso disponibilizasse os recursos necessários para o pagamento de R$ 600. O governo não cedeu e manteve a previsão de R$250 por quatro meses.

Os programas atendem, em sua maioria, trabalhadores afetados pelo fechamento do comércio, como garçons, cabeleireiros e profissionais de beleza, taxistas e motoristas de aplicativo, além de uma parcela das pessoas inscritas no Cadastro Único (CadÚnico).

Com informações de O Globo

Aprovados no concurso realizado para implementar a primeira Guarda Municipal de São José de Mipibu cobram do prefeito da cidade, José de Figueiredo, a convocação para os cargos.

O concurso foi realizado em 2020 e homologado no início de 2021. Segundo os 29 aprovados no certame que exigem a convocação através de uma campanha nas redes sociais, o município vive um cenário com vários assaltos, furtos, ação do tráfico de drogas e assassinatos.

Foto: Tânia Rêgo/Agência Brasil

O Brasil registrou até ontem (10) 13.445.006 pessoas infectadas desde o início da pandemia, cerca de 6% da população brasileira. No momento em que a vacinação contra a covid-19 está sendo realizada no país, uma das dúvidas mais comuns é o que muda no caso de quem já teve a doença quando da aplicação da vacina.

Segundo o infectologista Hemerson Luz, quem já teve a covid-19 deve esperar ao menos um mês antes de tomar a vacina contra a doença. Esse intervalo é contado a partir de 14 dias depois do diagnóstico positivo, quando foi convencionado que a pessoa se livra do vírus.

Ele explica que ainda não há publicações e estudos demonstrando efeitos, mas que médicos têm adotado esse tempo mínimo para evitar potenciais efeitos adversos.

Se a pessoa tiver com a doença aguda, com febre e com sintomas da covid-19, ela não deve se vacinar. Antes disso, deve procurar um médico para receber orientações e ter um diagnóstico se está ou não com a covid-19.

“Se tiver com sintomas vou esperar encerrar o meu quadro. Se eu tiver com sintomas, tenho que procurar o médico para verificar o diagnóstico. Se tiver infectado, tem que aguardar até resolver o quadro e aí depois de 30 dias”, explica o infectologista.

Luz lembra que a vacina pode causar efeitos adversos, em geral no local da aplicação, como inchaço, vermelhidão, febre ou indisposição. Mas essas reações não duram mais de 48 horas e podem ser tratadas com remédios como analgésicos e antitérmicos.

O infectologista alerta que quem já foi infectado pode contrair a covid-19 novamente, mas o quadro deve ser brando. “A [vacina] CoronaVac tem eficácia de 50% para pegar a doença, mas é 100% eficaz contra o caso grave. A [vacina] Oxford/AstraZeneca é um pouco mais efetiva, a 70%, mas mesmo assim existe possibilidade de ficar doente”, disse.

O infectologista ressalta a importância da vacinação mesmo para quem já teve a covid-19. E acrescenta que não é preciso ter receio, pois não há chance da vacina causar doenças. Mesmo aquelas que utilizam vírus inativados não têm qualquer possibilidade de replicação do vírus no organismo.

Agência Brasil


Foto: XINHUA/ZHANG YUWEI

A China admitiu pela primeira vez que considera alternativas para elevar a eficácia de suas vacinas contra a Covid-19, inclusive a Coronavac, imunizante mais usado Brasil.

Segundo Gao Fu, chefe do Centro Chinês para Controle de Doenças, “está agora sob consideração formal se devemos usar diferentes vacinas de diferentes linhas técnicas para o processo de imunização”. Ou seja, misturar a aplicação de seus fármacos com outros.

(mais…)

Foto: Itamar Aguiar/Palácio Piratini

Serrana (SP) termina neste domingo (11.abr.2021) a vacinação em massa da população contra a covid-19. A cidade é parte de um estudo clínico do Instituto Butantan para medir a eficácia da CoronaVac, vacina desenvolvida pela chinesa Sinovac.

A pesquisa avaliará a eficiência do imunizante na diminuição da taxa de transmissão do coronavírus na cidade. Entre os efeitos que serão analisados está a imunidade de rebanho.

 

(mais…)

Emporio

Pode ser uma imagem de uma ou mais pessoas e texto que diz "NOTA DE PESAR NOTADEPESAR PESAR NOTA ESAR NOTA NOTU 1845 PREFEITURA ASSÚ DO"Um professor, um amigo, um ser humano sempre disposto a ajudar e registrar a vida com alegria e gratidão… Essa é a lembrança que Antônio Ubirajara Barbosa Varela, nosso querido Bira, registra em nossas vidas, deixando, em todos os que fazem a nossa cidade e a rede municipal de educação, a saudade por sua partida. Que as memórias compartilhadas com este educador assuense sejam sempre o motivo da saudade de um amigo com quem tivemos a honra de compartilhar a vida… A todos os seus familiares, nossos sentimentos neste momento de extremo pesar.

Foto: Reprodução
O presidente da Câmara Municipal de Catolé do Rocha Ubanaldo Melo da Silva (DEM), 48 anos, morreu na noite deste sábado (10 de abril) vítima de complicações pós Covid-19. O vereador foi internado há mais de um mês no Hospital Regional de Pombal (PB), para tratamento da doença, aonde chegou a ser entubado, e não conseguiu se recuperar.
Ubanaldo Melo era dos Democratas, e exercia o segundo mandado de vereador em Catolé do Rocha, tendo recebido nas últimas do ano passado o total de 676 votos. Na eleição para a escolha da presidência da Mesa Diretora, foi eleito na última hora para presidir o para o biênio 2021/2022.
CATOLÉ NEWS

Foto: Marcello Casal Jr./Agência Brasil

A primeira parcela da nova rodada do auxílio emergencial será depositada, neste domingo (11), para 2,45 milhões de beneficiários do programa nascidos em março. O repasse passará dos R$ 511 milhões, conforme o Ministério da Cidadania. O saque em dinheiro para o grupo só poderá ser realizado a partir do dia 10 de maio.

Até a liberação da retirada em espécie, o valor pode ser movimentado por meio do aplicativo Caixa Tem. Pelo sistema, os beneficiários conseguem pagar boletos, comprar pela internet e pelas maquininhas de estabelecimentos comerciais.

(mais…)

SERVICE INFOR
Atendimento da Dental Clinica Assu e Natal 084 999816640  consultório Dra Miryan Beatriz em Ipanguaçu 084 99610 2808 Atedimento Domiciliar 084 99640 0924
Atendimento da Dental Clinica Assu e Natal 084 999816640 consultório Dra Miryan Beatriz em Ipanguaçu 084 99610 2808 Atedimento Domiciliar 084 99640 0924
Microsystem

Facebook