O Rio Grande do Norte registrou na tarde deste sábado (10) 65 pacientes com Covid-19 à espera de um leito de UTI, de acordo com o portal Regula RN, que monitora em tempo real a ocupação de leitos públicos no estado.

Às 13h25, o estado tinha 25 leitos de UTI disponíveis aguardando regulação de pacientes. A maior parte dos pacientes (47) é da região metropolitana de Natal.

A taxa de ocupação de leitos críticos das unidades públicas de saúde no RN é de 93,4%, registrada por volta das 13h25 deste sábado (10). Pacientes internados em leitos clínicos e críticos somam 686.

Até o momento desta publicação são 25 leitos críticos (UTI) disponíveis e 354 ocupados, enquanto em relação aos leitos clínicos (enfermaria), são 79 disponíveis e 332 ocupados.

Segundo a Sesap, a Região metropolitana apresenta 92,2% dos leitos críticos ocupados, a região Oeste tem 98,1% e a Região Seridó tem 87,5%.

A Secretaria Estadual de Saúde Pública (Sesap) atualizou os números do coronavírus neste sábado (10). Foram mais 1.111 casos confirmados, totalizando 206.360. Até sexta-feira (09) eram 205.249 infectados.

Com relação aos óbitos no Rio Grande do Norte, são 4.868 no total, sendo 14 mortes registradas nas últimas 24h: Natal (03), Mossoro (03), Currais novos (01), Caico (01), Santo Antônio (01), Lagoa Salgada (01), Jardim do Serido (01), São Gonçalo do Amarante (01), Parnamirim (01) e Parau (01).

A Sesap ainda registrou outros 19 óbitos ocorridos após a confirmação de exames laboratoriais de dias ou semanas anteriores. Óbitos em investigação são 967. Na sexta-feira(09) o número total de mortes era 4.835 mortes.

Casos suspeitos somam 54.005 e descartados 426.020. Recuperados são 142.776.

Fotos: cedidas

O blog recebeu imagens do caos vivido durante esta semana na no setor obstétrico do Hospital Santa Catarina, no bairro Potengi, Zona Norte de Natal, ocasionando a superlotação na Maternidade Escola Januário Cicco que acaba absorvendo a demanda não só do município mas também do Estado.

Os profissionais médicos relatam condições desumanas, com gestantes e recém-nascidos no corredor e bebês prematuros fora de UTI Neonatal. Há também relatos de falta de insumos na rede estadual como compressas e jelcos (material usado para introdução de medicação na corrente sanguínea).

“Está ficando muito complicado trabalhar assim. Exposição total de toda equipe e das pacientes”, relata um dos profissionais que preferiu não se identificar e disse já ter repasado para a responsável pela rede materno infantil do Estado toda a situação. Eles também cobram que a Sociedade de Ginecologia do RN (Sogorn) se envolva na busca por uma solução.

Fonte: Bg

Emporio

Cada vez que tem um problema, eu fico mais exposto na discussão. Cadê a vacina num pacote escrito ‘vacina CoronaVac’? É mortal. Não há Anvisa, nem Bolsonaro, nem bolsominion que resista. Então é importante chegar a vacina. Essa imagem; ela é de uma força, de uma pressão política, institucional, de opinião pública, irresistível. Irresistível. ‘Chegou a vacina. E agora, ministro Pazuello? E agora, Bolsonaro, como fica?’. Agora, sem isso, é o contrário: ‘e agora, governador João Doria? Cadê a vacina? E agora, governador, cadê o insumo da vacina?‘”, diz Doria.

Estas palavras do governador de São Paulo, João Doria, estão na série documental “A Corrida das Vacinas” — do Globoplay —, que mostra os bastidores dos desafios científicos e da guerra política envolvendo os imunizantes contra o coronavírus, e corresponde a um áudio vazado de uma reunião do governo paulista em novembro de 2020.

Nós decidimos incluir os principais trechos da gravação neste documentário por considerarmos que o diálogo é ilustrativo da dimensão política do combate à pandemia“, afirmam os produtores da série.

Durante as gravações, segundo contam os documentaristas, no dia 6 de novembro do ano passado, enquanto o Brasil e o mundo corria para firmar a compra de vacinas contra a Covid-19, a assessoria do governo de São Paulo autorizou a filmagem de uma reunião sobre a importação dos imunizantes.

Quando a equipe deixou a sala, porém, os dirigentes do governo esqueceram de desconectar o microfone que estava ligado à mesa de som. Com isso, o áudio foi gravado sem que os participantes percebessem.

Em outro trecho do áudio, Doria demonstra irritação sobre a importação das vacinas vindas da China. “Esse negócio está virando uma novela, [são] 30 milhões de dólares. Eu estou me expondo publicamente toda semana“, diz Doria na reunião. Em seguida, Doria bate na mesa e completa: “Eu vou pegar esse chinês pelo pescoço“.

O governador de SP também se queixa da exposição pública: “Ele [empresário chinês] está falando com um cliente de R$ 2,5 bilhões! Só tem um cara que tá se expondo aqui: sou eu. Fundamentalmente, sou eu. Eu tô no primeiro plano dessa história. Publicamente. Ainda sofrendo ataque do Bolsonaro, bolsominion, bolso não sei do quê. Bando de malucos!“, disse Doria a Dimas Covas, diretor do Instituto Butantan, no ano passado, em que cobrou agilidade na entrega da CoronaVac.

Com informações de Yahoo Notícias e G1

Foto: reprodução/Detran-PR

Motoristas que cometerem infrações de trânsito leves e médias podem ter a punição convertida automaticamente em advertência por escrito segundo as novas regras do Código de Trânsito, Sancionadas em outubro pelo presidente Jair Bolsonaro (sem partido). As alterações entram em vigor na segunda-feira (12).

Segundo o Contran (Conselho Nacional de Trânsito), órgão responsável pelas normativas de trânsito no país, o motorista que cometer uma infração do tipo não precisará acionar o órgão autuador de trânsito. Com isso, não será necessário pagar a multa, e os pontos na CNH (carteira de motorista) não serão aplicados.

(mais…)

 Um contrato que se aproxima de R$ 139 mil reais foi assinado e carimbado pela prefeita de Paraú, Maria Olímpia, com uma empresa de Assú. Ela não se intimida com as própria palavras em dizer que o município está passando por uma crise financeira, e ao invés de economizar, ela arregaça as mangas e pratica contratos altos, sem se esquivar da econômica. A gestão carimbada com os atrasos de pagamentos dos funcionários públicos, não abre mão de fazer contratos e licitações que poderiam ser economizadas com a crise que o município vivencia, conforme à prefeita tem anunciado ou usando como desculpa a ‘crise financeira’ para justificar o atraso do pagamento dos funcionários.

 

Maria Olímpia, publicou no Diário Oficial dos Municípios, o contrato 20/2021 com a empresa PIRES E DANTAS EMPREENDIMENTOS, com sede em Assú, o contrato no valor de R$ 138.254,00 reais, em 09 meses. O contrato foi assinado no dia 01 de Março com validade até o dia 31 de Dezembro de 2021.

 

O município contava com um veículo Fiat Toro, destinado para a saúde e atender justamente essa demanda de transportar pacientes para outros municípios, mas, um acidente envolvendo o veículo deixou a parte frontal totalmente destruída, e foi feito uma licitação para o conserto do veículo no ano de 2020, e até o presente momento, o carro não apareceu. A licitação assinada pela prefeita no dia 14 de Abril de 2020, no valor de R$ 79.480,13 reais. Quase um ano, o veículo ainda não apareceu.

Veja -> Prefeitura de Paraú fala em ‘crise financeira’ e realiza contratos que somam mais de R$ 140 mil

Veja -> Prefeitura de Paraú vai pagar quase R$ 80 mil para conserto de veículo envolvido em acidente.

Veja -> Prefeitura de Paraú omite informações, não divulga fotos e vai gastar R$ 79 mil para consertar veículo.

Veja -> Em Paraú, fotos do veículo toro envolvido em acidente ‘aparecem’ após pressão

Fonte: Assu Notícias

Foto: Reprodução / CNN

O Food and Drug Administration (FDA, órgão semelhante à Anvisa no Brasil) avaliará “o mais rápido possível” o pedido da Pfizer para expandir a autorização de uso emergencial da vacina contra Covid-19 da fabricante de medicamentos para incluir pessoas com idades entre 12 e 15 anos nos Estados Unidos, disse a comissária em exercício do FDA, Janet Woodcock.

A Pfizer pediu na sexta-feira (9) ao FDA a autorização.

(mais…)

Atenção comerciantes de Assu, fique atentos a esse meliante que está chegando nas lojas e furtando produtos.

 

Blog de olho no RN

Foto: Reprodução/CNN

A CPI da Covid, que o ministro do Supremo Tribunal Federal (STF) Luís Carlos Barroso ordenou que o Senado instale, não deve se limitar apenas ao Governo Federal ao examinar possíveis desvios de recursos destinados ao combate da pandemia, na avaliação do senador Alvaro Dias (Podemos-PR).

“Quando se fala que estados e municípios não serão investigados, mostra-se não conhecer CPI. Os fatos são conexos. Os recursos saíram do governo federal: se foram desviados, haverá sim investigação envolvendo estados e municípios. Nosso partido protocolou requerimento para deixar isso claro, vamos sim procurar investigar o desvio de recursos por estados e municípios também”, afirma.

Ele acredita que não existe momento certo ou errado para se abrir uma Comissão Parlamentar de Inquérito (CPI). “Todo momento é bom para combater a corrupção. Há fato determinado indicando a existência de corrupção, de omissão. Há vidas perdidas em razão dessa irresponsabilidade. A corrupção com recursos da saúde é um crime hediondo, mais do que roubo é um assassinato. Há pessoas morrendo já que os recursos foram desviados”.

Dias evita dizer quando e se a CPI será aberta. “Não me arrisco a apostar que ela vá começar, porque o governo vai agir para retirar assinaturas. Depois, quando começa, você não sabe quando termina”.

Foto: Pixabay

Pesquisadores brasileiros buscam a produção de uma vacina contra a covid-19 que seja 100% nacional. Isso poderia diminuir custos e agilizar a imunização em massa no país. A Faculdade de Medicina de Ribeirão Preto (FMRP), da USP, desenvolveu a Versamune, em parceria com a Farmacore Biotecnologia e a norte-americana PDS Biotechnology.

O consórcio entrou com pedido junto à Anvisa (Agência Nacional de Vigilância Sanitária) para iniciar os testes clínicos em humanos e espera uma resposta da agência.

(mais…)

A Associação de Bares e Restaurantes (Abrasel) divulgou nesta quinta-feira (8) o resultado de pesquisa nacional realizada com mais de dois mil empresários entre os dias 1 e 5 de abril em todo o país. Denominada Situação Econômica Alimentação Fora do Lar os dados da consulta indicam que mais de 90% dos estabelecimentos confirmaram dificuldade para pagar salários em abril.

No Rio Grande do Norte, os dados referentes a empregos e salários apontam que 91% dos empresários alegam ter problemas para pagar integralmente os salários de abril; e 81% usaram a Lei dos Salários, que permite suspensão de contratos e redução de jornada e ficaram com faturamento zerado em março por conta dos fechamentos determinados em decretos pelo Governo do Estado e Prefeituras Municipais.

(mais…)

O Sindicato dos Trabalhadores em Educação Pública do RN (Sinte/RN) requereu judicialmente o ingresso como terceiro interessado na ação movida pelo Ministério Público que pede o retorno às aulas presenciais. O sindicato alegou que “a maior parte das Escolas Estaduais não possuem condições sanitárias e higiênicas para o mínimo cuidado com os professores, funcionários e alunos”. O pedido do Sinte foi feito à 1ª Vara da Fazenda Pública da comarca de Natal na última quinta-feira (8), e aguarda deferimento.

*Com informações de Heitor Gregório/TN

 

GRANDE PONTO

O presidente da Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa), Antônio Barra Torres, teve duas reuniões nesta sexta-feira (9) com os embaixadores da Rússia e Índia para tratar da liberação das vacinas Sputnik V e Covaxin.

Ambos os imunizantes, negociados pelo governo federal e pelos estados, encontram dificuldades de documentação para atender aos requisitos da Anvisa. Segundo Barra Torres, o embaixador indiano, que falou via videoconferência, afirmou que “as discrepâncias apontadas não só podem, como serão superadas”.

(mais…)

Emporio

A partir de janeiro de 2022 a Companhia Potiguar de Gás (Potigas) deverá comercializar o gás fornecido pelas empresas Compass Comercialização S.A. e Potiguar E&P, deixando de comprar à Petrobras. As duas empresas foram habilitadas pela companhia, graças à liberação do acesso à Unidade de Processamento de Gás Natural (UPGN) da Petrobras, em Guamaré. Com isso, a expectativa é de que o preço do gás natural fique mais barato para o consumidor.

As duas empresas foram habilitadas para a fase de negociação de propostas da Chamada Pública Coordenada para Aquisição de Gás Natural. Dentre os vários supridores inscritos na seleção, as duas atenderam as diretrizes do edital e apresentaram as melhores propostas.

(mais…)

A governadora Fátima Bezerra (PT) confirmou o pagamento de mais uma parcela dos salários atrasados, deixados pela gestão anterior. A declaração foi dada em entrevista a Rádio Rural de Mossoró nesta sexta-feira (10).

“Em maio, vamos dar continuidade ao pagamento do 13º de 2018”, disse. Em fevereiro deste ano, o governo pagou o 13º de 2018 integral para quem recebe até R$ 3.500. Na etapa de maio, deve ser contemplada nova faixa salarial, que será defidida pela equipe econômica do governo. “Vai depender da disponibilidade orçamentária, até quanto nós vamos pagar o restante do 13º de 2018 para os servidores”, afirmou a gestora.

Fátima Bezerra anunciou também que no final deste mês, deve haver uma reunião com o Fórum dos Servidores e com os sindicatos da Segurança para discutir sobre essa definição.

Fonte: Saulo Vale

GRANDE PONTO

Emporio

Mais de meio milhão de pessoas que receberam a primeira dose da Coronavac no início da vacinação no Brasil não retornaram para receber a segunda dose do imunizante, o que, de acordo com cientistas, pode comprometer a proteção da vacina.

Os dados tabulados pela Folha revelam um abandono vacinal de 14,13% no caso da Coronavac. Abandono vacinal é o nome técnico para o percentual de vacinados que iniciam o esquema vacinal e não o finalizam por diferentes motivos.

O levantamento olhou apenas para a Coronavac porque o intervalo entre doses do imunizante de Oxford/Astrazeneca é de 90 dias —as taxas de abandono dessa vacina, portanto, só podem ser calculadas a partir do final deste mês.

(mais…)

O Ministério da Educação informou nesta sexta-feira, 9, que prorrogou as inscrições para o processo seletivo do Sistema de Seleção Unificada (Sisu) do primeiro semestre de 2021. Os estudantes agora terão até as 23h59 da próxima quarta-feira, 14, para realizar o processo. Inicialmente, o prazo final estava previsto para esta sexta.

A inscrição, gratuita, é feita no site do Sisu. Para participar, será exigido do candidato que tenha feito o Exame Nacional do Ensino Médio (Enem), edição de 2020, cujo resultado foi divulgado no último dia 29, obtido nota superior a zero na prova de redação, e não tenha participado do Enem na condição de treineiro.

O candidato deve utilizar o mesmo login cadastrado no portal de serviços do governo federal (acesso.gov.br), da mesma forma que fez para acessar o resultado do Enem 2020. Por isso, o candidato deve se preparar com antecedência para não ter problemas no ato da inscrição do Sisu, quando é exigida a senha do cadastro no portal de serviços. Quem precisar recuperar esses dados já deve providenciá-los.

As mais de 209 mil vagas ofertadas, a maioria delas em universidades e institutos federais, estão disponíveis para consulta desde o dia 5 de março, na página do Sisu, na aba “vagas”.

A data de divulgação do resultado foi alterada para 16 de abril. O novo prazo para a matrícula do registro acadêmico dos selecionados será de 19 a 23 de abril. As chamadas da lista de espera acontecerão entre 16 e 23 de abril. De acordo com o Ministério da Educação, o primeiro processo seletivo de 2021 ultrapassou a marca de 2 milhões de inscrições. Cada candidato pode fazer inscrição em até dois cursos.

Inscrições: de 6 a 14 de abril

Resultado da chamada única: 16 de abril

Matrícula ou registro acadêmico: de 19 a 23 de abril

Manifestar interesse em participar da lista de espera: de 16 a 23 de abril

ESTADÃO

Emporio

Há 10 dias, nenhum habitante de Serrana (SP) precisa entrar na fila para buscar vaga para leito de tratamento intensivo (UTI) no estado de São Paulo. Desde o último fim de semana, nenhum serranense necessitou ser intubado.

As autoridades de saúde locais não querem se precipitar, mas especulam que estes já podem ser os primeiros sinais da ação de vacinação em massa que ocorre na cidade.

O município de Serrana foi escolhido para ser estudado pelo Projeto S, promovido pelo Instituto Butantan, que testa a efetividade da vacinação na “vida real”, isto é, sem os controles de uma pesquisa acadêmica.

 

Os dados de internação na cidade foram informados ao Metrópoles por Glenda Renata de Moraes, chefe da Vigilância Epidemiológica de Serrana. “Em março, a nossa Unidade de Pronto Atendimento (UPA) chegou a fazer uma média de 60 atendimentos de pessoas com Covid ou com suspeita da doença. Nessa sexta-feira (9/4), a média caiu para 20 atendimentos”, declara a chefe de Vigilância Epidemiológica.

(mais…)

SERVICE INFOR
Atendimento da Dental Clinica Assu e Natal 084 999816640  consultório Dra Miryan Beatriz em Ipanguaçu 084 99610 2808 Atedimento Domiciliar 084 99640 0924
Atendimento da Dental Clinica Assu e Natal 084 999816640 consultório Dra Miryan Beatriz em Ipanguaçu 084 99610 2808 Atedimento Domiciliar 084 99640 0924
Microsystem

Facebook